25.9.10

#11 LETTER TO A DECEASED PERSON YOU WISH YOU COLD TALK TO

Não fui a pessoa mais perfeita no que tocava a mostrar - te o quanto te amava, eu sei e é verdade. Não posso negá - lo não é verdade. Não posso fugir à verdade que corre atrás de mim, mas ainda assim, sempre que entrava no teu quarto, e olhava para a cama à qual tu não podias nunca mais sair, aquela que se encontrava no meio do teu quarto, e te dizia : Olá avó... mesmo que não pudesses exprimir os teus sentimentos corporais ou por palavras, sorrias - me com a pouca força que tinhas, e sabes... isso era muito acolhedor para mim, isso era muito reconfortante. 
E quando eu encostava a minha cabeça ao teu peito, e tu cansada de mais um dia doente, passavas - me a tua mão enrugada e esbranquiçada pelo cabelo e beijavas - me lentamente a testa. 
Errei muitas vezes contigo, e às vezes era deveras severa demais contigo. Pedia - te o muito, e sem perceber o muito já tu me davas. Sim, percebi agora... agora que partis - te.
E sabes o que me doí mais ? Foi saber que naquele dia frio de Outubro, quando a minha mãe entrou no teu quarto para te dar os bons dias, ficas - te paralisada olhando para ela. Ela estranhou e rapidamente chamou por mim, eu entrei a correr no teu quarto, e tu muito linda como sempre foste, olhas - te para mim, e sorris - te. Olhas - te mais uma vez para a minha mãe e sorris - te de novo. A minha mãe gritou por ti, e nesse momento tu fechas - te os olhos. Senti uma dor de perda e uma lágrima escorreu - me a face vendo a tua cara pálida onde os teus olhos pequenos se encontravam fechados, e quando a minha correu para a tua beira gritando. 
E sabes... eu sei exactamente o que quiseste dizer com tudo aquilo. De facto... tu até esperas - te por nós as duas para partires, de facto tu despediste - te de mim no momento em que a tua força morrera e o teu coração parará... de facto eu amei - te muito avó, e de facto eu tenho saudades, muitas saudades. E um dia... irei reencontrar - te outra vez, e irei puder ouvir novamente a tua voz, mas até lá... só te peço que esperes por mim.
Amo - te Avó, amo - te da forma mais intensa, amo - te, porque foste sempre um tudo.

Rute

52 comentários:

joey disse...

que texto tão forte e, tão LINDO.
adoro mesmo a tua maneira de escrever, consegues sempre transmitir tudo tão bem para o "papel" que é quase como se tivesse a ler as histórias de um filme que já esteve nos cinemas e eu o vi.
a sério, muitos parabéns.
amei, está tão sentimental!

Catarina Bessa disse...

Eu digo-te com a maior sinceridade. Eu adoro os teus textos. Adoro Rute. (:

Su disse...

Devias dar mais valor a ti mesma :)
adorei o texto <3

Su disse...

esse "Amo-te avó", adorei :')

Su disse...

de nada, meu bem :')

Joo disse...

Não tens de agradecer, mais um dos teus LINDOS textos :')

joey disse...

acredita que não, a tua maneira de escrever não é assim tão normal, é mesmo é especial, acredita.
acredita porque eu não o estou a dizer para parecer bonito, é mesmo porque sinto isso quando leio os teus textos.

joey disse...

há que se dizer as verdades, não é?

Sara'Rodrigues disse...

Não digas isso.
Não é normal não, só o teu e mais alguns (poucos) me cativam!

Laura disse...

Gosto TANTO, TANTO *-*

joey disse...

eu só disse mais uma.

joey disse...

oh, obrigada mas não sou a única, também és.

joey disse...

já somos duas, então.

joey disse...

de nada.
olha, leva o meu selo.

Joo disse...

estou só a ser sincera querida :)

Laura disse...

Só disse a verdade querida :D

joey disse...

não estou a conseguir levar o teu.

Laura disse...

Não, é mesmo especial a tua escrita querida :)

Laura disse...

De nada mesmo *-*

joey disse...

já está, já postei.

Mariana disse...

Lindo, lindo mesmo.

Ana Luísa disse...

está lindo Rute, lindooo !

maryyRibeiro disse...

que texto intenso! adorei simplesmente e veradeiramente!

danó disse...

Não tens de agradecer amor ,
só te qero ver bem, mesmo!
MUITA FORÇA PARA TUDO*

Pois, eu disse...

Está muito bonito :)

vává disse...

obrigada por tudo, és um amor *.*
<3

vává disse...

somos ambos mesmo muito felizes minha querida (:
também mereces tudo de bom !
este texto está lindo mesmo *.*

vává disse...

de nada minha querida (:

ana moura disse...

obrigada minha querida*

Inês. disse...

LINDA ÉS TU! $:

simple writer disse...

em cada palavra senti o que quiseste dizer :)

łnn ۞ disse...

Está LINDO, está sentido!
Tu transformas a alma *.*

Inês. disse...

não me esqueci nada meu anjo!
estive até só para por reticências, tu sabes, mas pronto :x

joey disse...

muito obrigada rute, a sério.

Sara Santos disse...

Quem tem avós tem tudo *.*

simple writer disse...

por vezes só damos o verdadeiro valor quando não temos o importante connosco.
também te vou seguir :)

Inês. disse...

agora já está tudo bem amor, mas esta semana tivemos uma discussão (enorme mesmo :s)

joey disse...

preciso pois.

Inês. disse...

por causa do meu ex -.-

simple writer disse...

oh de nada :)

Inês. disse...

conta amor!

Diana disse...

a minha avó era tudo e esta a custar muito ela estar longe /:

PauloMitchell disse...

Texto lindo.

Cátiia Bandeira disse...

Texto lindo !

Inês. disse...

:O
e tu amor?

j disse...

Ora essa, de nada querida :)

Inês. disse...

aiiiii! $:
ESTOU TÃO FELIZ POR TI AMOR, PARABÉEEEEENS! (:

joey disse...

oh, obrigada mesmo.

Moreira disse...

Até arrepiei qd li...muito intenso...os meus pesames :s, a "partida" de quem nos é muito querido, custa, mas acima de tudo mostra tb o quanto foram e são importantes na nossa vida ;)

Inês. disse...

imagino meu amor
agora desejo-te o melhor do mundo!

Inês. disse...

OMG, que amooooooooooooooooooooor!

danó disse...

eu também estou bem,
e ainda bem porque eu quero-te ver sempre assim <3