2.7.10

Até um dia meu querido


Já te pedi imensas vezes para não me amares em vão . E tu nunca quiseste ouvir, nunca esforçaste - te para sentires o mesmo que eu. Tu (...) tu nunca te entregas - te ! E no fim de vário tempo compartilhado por ambos, ganhaste a coragem que necessitavas para me deixares na nossa sala ! Onde em cada parede existia fotos de ambos, prendas oferecidas entre nós, e até mesmo, o teu cheiro.
No meio daquilo tudo sentia - me sozinha, sentia que não estava completa e faltava algo para me completar ! E esperei, esperei... e tu nunca mais voltaste ! Dias inteiros com a mesma finalidade. Ter - te de volta ! Correrias para a janela sempre que ouvia o som de um carro a estacionar, ou o som de chaves a baterem umas nas outras, mas nunca eras tu ! Sempre um vizinho, colega, amigo ou até mesmo familiar.
Mensagens, telefonemas, cartas, tudo ! Fiz de tudo para contactar contigo, para ouvir, nem que fosse a última vez, a tua linda voz ! E sempre ignoras - te todo o tipo de carinho que te dava ! Sempre deste para trás.
Remodelei tudo ! A casa, a minha maneira de ser e os meus sentimentos por ti ! Agora fazia correrias para o trabalho, para encontros com amigos... Agora olhava para cada parede cor - de - laranja e via felicidade, amizade, carinho...
Até que tu, numa noite em que as estrelas brilhavam, e a lua cantava, entras - te pela porta que desde muito deixara de ser nossa.
Pousas - te as malas e abris - te os braços, à espera que corresse para ti e te desse um grande abraço, como dantes. Entras - te pela sala a dentro e sentaste à minha beira, e eu (...) peguei nas minhas malas e disse com a voz mais amável possível e um sorriso : Até um dia meu querido.

11 comentários:

Catarina disse...

Gostei imenso *

Renata disse...

gostei *.*

dannó disse...

Vejo-me nesse texto :$

Catarina disse...

Está pois :O
E o selo, não to mandei obrigada, mandei porque gosto imenso do teu blog, e do que escreves, querida (:

Catarina disse...

Não importa se o que escreves é positivo ou negativo. Desde que gostes do que escreves e te sintas bem com isso, é bom escrever.
Eu também não sou muito positiva, mas os mais negatvos (...) Esses guardo-os só para mim. (:

Catarina disse...

Como eu te compreendo :)
Mas não interessa, eu gosto do que escreves e ponto final . :D

Gabriela disse...

Obrigado :3
Que bonito, gostei muito.

Sara Pereira disse...

Adorei ! *-*
Sim é verdade, mas um dia quando nos encontrar-mos conosco mesmo, acabamos por perceber quem realmente somos .
Ainda bem que gostaste (:

biazinha disse...

Quem me dera conseguir fazer isso :)

Gabriela disse...

De nada :p

diana alba disse...

obrigada pelo comentário :)

às vezes o melhor é dizermos adeus .