2.1.13

1ºCarta
Hoje é o primeiro dia do resto das nossas vidas. Não sei mais escrever-te. Desaprendi. O meu desejo de mudar é avassalador, no entanto, o medo de deixar-te para trás, no passado, num lugar que sei que jamais vai voltar, é muito mais forte que qualquer vontade ou ambição. Embora nunca mais te tenha junto de mim fisicamente, tenho-te mentalmente e levo o desejo de um dia voltar a ficar contigo para todo o lado. Já não sei esconder a falta que me fazes e, em dias menos bons, essa dura realidade escorre-me pelos olhos e mostra uma faceta de mim que desde sempre tentei esconder. Não gosto de demonstrar as minhas fraquezas para qualquer um e é por isso que tu, meu amor, és dos poucos que as conheces de trás para a frente. Dizem constantemente que ando diferente e, na verdade, quem acha isso sou eu mas não em relação a mim. É em relação aos outros. Já não os conheço mais. Ou talvez nunca conhecera. Mas ainda assim gosto das boas vibrações deles e do bailado dos seus contagiantes sorrisos. Gostava de ser como eles, sabes? Poder dar-te a mão e uma bela e longa dança começar nos meus olhos e acabar nos meus lábios. Oh, espera... Será isso? Será mesmo isso que me está a faltar? Se calhar o que deixei de conhecer foi a felicidade e os seus efeitos secundários. Não me interpretem mal, mas eu já não me enquadro. Vivo numa dualidade dilacerante. Eu tenho uma aparente liberdade mas estou constantemente presa dentro de mim. 

fictício 

26 comentários:

Margarida disse...

é das coisas mais bonitas que já li

Margarida disse...

de nada querida! é como se me tivesses roubado as palavras, obrigada eu :))

Emilie disse...

Apesar de este ser um texto fictício está recheado de sentimento e parece-me sentir tudo aquilo que descreves. É a magia das palavras :)

Obrigada pelo teu comentário, a sério :) E ainda bem que gostaste :)

Beijinhos.

c disse...

muito obrigada :') também gostei muito do teu *

Margarida disse...

vai ser sim :))

anirataC disse...

adorei as palavras :)
Sigo-te *
http://petitsmorceauxdemoi.blogspot.co.at/

Bernardo disse...

r: pois, também não sou a pessoa adequada para te responder :D

Nonô Torres disse...

Gostei tanto *.* sigo

Catarina disse...

que lindo! tem frases que adorei mesmo **

danieladias disse...

"Não gosto de demonstrar as minhas fraquezas para qualquer um e é por isso que tu, meu amor, és dos poucos que as conheces de trás para a frente. Dizem constantemente que ando diferente e, na verdade, quem acha isso sou eu mas não em relação a mim. É em relação aos outros. Já não os conheço mais. Ou talvez nunca conhecera. " ADOREI!! Identifico-me bastante com este excerto desse mágnifico texto.
Escreves mesmo muito bem, minha querida. Continua assim :)
Um beijinho grande *

Claire disse...

Adoro os teu textos!
Nem eu quero ir para a escola -.-

rc. disse...

adorei **

Maria. disse...

MUITO OBRIGADA! mesmo :))
um texto ficticio que diz tanto de mim... arrepiei-me... de verdade

ContadoradeSonhos disse...

Foi simples, mas foi exactamente isso que aconteceu. Uma mudança.
Tu também vais ser muito feliz em 2013! Que a mudança (nos) traga coisas boas. :)

Nonô Torres disse...

Merci princesse *.* e eu pensamento positivo tento ter sempre (:

Daniela Matias disse...

Adoro o teu blogue e os teus textos. Estão mesmo muito bons...
Será que me poderias seguir? Já te sigo ;)

danieladias disse...

Muito obrigada! Desejo-te o mesmo, sê feliz porque mereces :)
E não tens que agradecer, escreves mesmo bem, minha querida!

Ana disse...

Lindo!

seek happiness. disse...

bem, acho que é importante salientar o facto de admirar muito este teu trabalho, lembro-me de ti desde que tenho blog, mas penso que deixaste por uns tempos (espero não estar enganada) e não pude ver mais todos os teus lindos textos que sempre me deixaram emocionada... gostava muito que continuasses por aqui, apesar de já não vir aqui (ao blogger) tão frequentemente. obrigada por todas as tuas doces palavras, tenho mesmo de seguir em frente por muito que custe.

Daisy disse...

obrigada, és uma querida!
escreves mesmo bem, adorei a carta *

Emanuela Teixeira disse...

isto está tão perfeitooooo! ohmeudeus. identifico-me tanto

Danii disse...

verdade linda!
já há imenso tempo que não passava por aqui para ver as tuas cartinhas! Continuas a escrever lindamente :)

wendy disse...

todos dizem o mesmo de mim, estou diferente. na verdade nós acabamos por mudar conformo as desilusões, mas tudo vai voltar ao normal.. (: vou agora para a segunda carta

aF.P. disse...

lindo :)
sigo*

aF.P. disse...

lindo :)
sigo*

Nini disse...

Sentimentos à flor da pele :) Lindo <3